Cozinha Planejada é aquela coisa: quem tem ama, quem não tem gostaria de ter.

Sonho de consumo de inúmeros cozinheiros e proprietários em todo o Brasil, a cozinha planejada agrada mesmo a quem não é um ás da culinária com sua beleza e praticidade.

Mais do que apenas um ambiente bem decorado, a cozinha planejada é um paraíso de funcionalidade e expressão pessoal onde podemos criar o espaço perfeito para o nosso o dia a dia.

Lá, nada é por acaso. E isso é ótimo!

Se você está em dúvida sobre como montar a cozinha dos seus sonhos, confira abaixo um passo a passo de como começar esse incrível projeto.

PASSO #1 – Para Quem É Esse Espaço?

Do que adianta fazer uma cozinha incrível, mas que não tem nada a ver com quem vai usar o espaço?

A primeira coisa a se pensar na hora de planejar sua cozinha são os hábitos e a rotina dos moradores.

Ela será usada todos os dias? As pessoas vão comer ali dentro? Qual o volume normal de louça usada? A família tem crianças? Quantos eletrodomésticos serão colocados?

A cozinha planejada deve refletir a personalidade e as necessidades dos donos.

A cozinha de um chef gourmet é muito diferente da cozinha de quem só usa o espaço para preparar coisas rápidas e eventos sociais. Focar nas pessoas te ajuda a entender com mais clareza o que precisa estar (ou não) em cada lugar.

PASSO #2 – Defina Seu Orçamento

O planejamento financeiro é o coração de qualquer reforma, e não é diferente com a sua cozinha planejada.

Existem muitos fornecedores no mercado com preços que podem variar brutalmente, então saber quanto se pode gastar é essencial para a formulação do projeto.

Cada empresa tem seus próprios diferenciais, logo cabe a você encontrar a melhor combinação de custo x benefício. Sempre faça ao menos 3 orçamentos e pese os prós e contras de cada marca antes de fechar.

Se o orçamento for folgado, você poderá usar esses recursos em detalhes de customização e na decoração do projeto.

PASSO #3 – Pense o Layout da Cozinha

Esquema Triângulo Funcional Cozinha
 

Você já ouviu falar sobre o “Triângulo Funcional” (ou Triângulo de Trabalho)? Essa é a expressão usada por designers e arquitetos para se referir ao espaço útil criado entre as 3 áreas mais importantes da cozinha: a área de armazenagem (geladeira), a área de cocção (fogão) e a área de lavagem (pia).

Se a distância entre esses 3 elementos for grande ou pequena demais, isso causará desperdício de tempo e energia na hora de cozinhar, um problema que segue para toda a vida.

É comum que a área de armazenagem fique um pouco mais distante das duas outras, pois muitas vezes são usadas em conjunto.

Cada cozinha possui um formato único, então cabe a você dizer onde ficará cada uma dessas áreas para garantir a dinâmica do espaço.

É essencial que nenhum dos lados do triângulo tenha mais de 2 metros de distância, pois isso representa a necessidade de dar mais um passo até a próxima estação.

É nesse momento que você pensará também a posição dos pontos de água e energia da cozinha, para só então avaliar a estrutura existente e fazer as reformas necessárias. Sempre use profissionais qualificados para essas tarefas.

Se você deseja facilitar a decoração do seu novo imóvel, utilize o Mad3D e crie de maneira fácil projetos de decoração adequados para o seu espaço.

PASSO #4 – Ventilação, Iluminação e Circulação

Além do Triângulo Funcional, existem outros 3 aspectos básicos do espaço que devem ser levados em consideração na hora de montar sua cozinha planejada – iluminação, ventilação e a circulação de pessoas.

A iluminação deve ser pensada para valorizar a luz natural sempre que possível, seguida da clássica luz fluorescente branca. Elas gastam pouca energia e a claridade ajuda na hora de cozinhar.

É de bom gosto colocar pontos de luz extra em lugares focais como o fogão e a mesa, além de uma luz indireta de LED para deixar ligada durante a noite. Cozinheiros amam uma boa luz de bancada!

Pensar a circulação de pessoas é importante para que a cozinha não se torne um apertado corredor de passagem. Os vãos devem ter no mínimo 90 cm de largura, para não provocar esbarrões.

A ventilação é um assunto de segurança que deve ser levado muito a sério: se o seu gás for de botijão, ele deve ficar em um lugar bem ventilado do lado de fora. O ideal é que exista mais de um ponto de entrada de ar na cozinha e que o fogão fique fora das correntes de vento.

Se a cozinha for americana, não tiver janelas ou abrir direto para a sala, cabe à coifa de exaustão dar conta do recado. Cuidado, pois sem uma coifa potente, o cheiro do cozimento pode se espalhar pela casa em pouco tempo.

PASSO #5 – Escolha Seus Eletrodomésticos

Agora que você já sabe o layout da cozinha, é hora de definir os eletrodomésticos.

Essa escolha também depende do uso que os moradores darão ao espaço. Existem muitas opções no mercado, de vários tamanhos e usos, então procure o que se adequa às suas necessidades.

Muitas famílias gostam de ter um freezer além da geladeira. Isso deve ser considerado no layout. Você prefere cooktop, ou fogão de piso? Vai incluir uma máquina de lavar louça? Onde ficará o micro-ondas? São muitas perguntas a fazer, e todas são importantes para o projeto final.

Se você tiver muitos aparelhos de uso eventual, talvez seja bom ter um armário só para eles.

A escolha dos eletrodomésticos depende não só dos gostos e necessidades das pessoas da casa, mas também do espaço disponível, então é bom conferir as medidas de tudo para não comprar algo que não caiba no lugar.

NUNCA sacrifique seu espaço de passagem por um aparelho mal escolhido.

PASSO #6 – Funcionalidade Acima de Tudo

Quando o assunto é cozinha planejada, FUNCIONALIDADE é tudo.

Mais do que apenas um espaço para refeições, a cozinha é, antes de mais nada, um ambiente de trabalho, por isso o projeto deve ser feito considerando o uso diário. De nada vale ter uma pia linda, mas fora da altura do usuário. Ou uma cozinha de novela sem espaço para preparar nada.

Quantas superfícies livres você terá? E o espaço para preparar a comida? O projeto inclui um lixo adequado? A cozinha planejada é feita sob medida, por isso é perfeita para aproveitar o espaço ao máximo.

Você pode e deve fazer armários diferentes para cada função. Crie nichos para utensílios, gavetas fundas para panelas, armários transparentes para copos, despensa para secos, gavetas para verduras.

Pense em tudo que você usa, e depois defina o lugar certo daquilo no projeto. Pense de forma intuitiva. O que faz sentido de estar ali?

Cozinhas pequenas ficam particularmente melhores com esse tipo de recurso. Abuse do espaço vertical livre sempre que possível. Armários e bancadas de trabalho nunca são demais! Além de pensar o quê vai onde, escolha também os materiais u-300x195tilizaalt=”” width=”300″ height=”195″dos: uma bancada de granito, por exemplo, dura (quase) para sempre e é muito fácil de limpar.

PASSO #7 – Hora do Projeto

Linda Cozinha Planejada Branca Madeirol

Agora que você já sabe o layout da cozinha, as funcionalidades que ela precisa ter e os eletrodomésticos que serão usados, chegou a hora de fazer o projeto em si.

Tenha a planta baixa do lugar e as medidas exatas de tudo em mãos para esse momento. O ideal é começar alocando os eletrodomésticos em suas posições, e depois projetar ao redor deles.

Meça as portas e gavetas de todos os armários e janelas pretendidos, para ter certeza de que eles não vão bater uns nos outros ou atrapalhar a passagem.

Se o espaço for limitado, essa verificação é ainda mais importante para não criar armários que só abram pela metade.

Aproveite cada canto disponível soltando sua criatividade nos formatos e ferragens usadas. Armários fundos que deslizem para fora são particularmente úteis em cozinhas pequenas.

Atenção à iluminação do teto para que nenhuma porta alta abra em cima das lâmpadas.

Algumas pessoas ainda optam por deixar essa etapa de planejamento na mão de um arquiteto, mas isso não é mais necessário.

Hoje, muitas empresas oferecem softwares de projeção tridimensional (3D) perfeitos para esse tipo de trabalho.

Assim você pode manifestar suas ideias e ter uma visão clara do resultado final sem precisar gastar mais para isso.

Antes de definir um projeto campeão, teste várias possibilidades de posicionamento para ter certeza.

Imagine a si mesmo naquela cozinha. Onde você gostaria que cada coisa estivesse? O projeto atende a todas as funcionalidades pretendidas? Gaste o tempo que for necessário nesta etapa.

Você só deve encomendar o móvel quando tiver certeza absoluta sobre o projeto.

PASSO #8 – Capriche na Decoração

Está com o modelo 3D pronto e já acha que acabou? Nada disso! Agora é hora de pensar a decoração do projeto. Uma das grandes vantagens da cozinha planejada é o design coeso e a harmonia visual do ambiente.

Seja qual for a sua ideia, é importante que você mantenha uma linha estética coerente e sem exageros.

Para conferir diversas possibilidades de texturas, cores e combinações para a sua cozinha e para a sua casa através da nossa ferramenta Look Decora.

Existem muitos modelos de decoração para se inspirar, como o estilo minimalista, decoração com cores vibrantes, tons pastéis, estilo industrial, design modernista, retrô, entre muitos outros.

Muitas pessoas gostam de escolher uma cor central para combinar os detalhes da cozinha e os utensílios. E

Encontre a decoração que combina com o seu estilo e ilustre o lugar de acordo! Isso pode ser feito por meio de quadros temáticos, eletrodomésticos coloridos, utensílios expostos/pendurados, luminárias pendentes, adesivos para azulejos, cadeiras especiais, fruteiras.

São muitos os recursos de decoração disponíveis, por isso não tenha vergonha de procurar boas referências.Para buscar ainda mais inspiração, clique aqui e confira mais de 3.000 projetos realizados pela Madeirol.

Se a sua cozinha abre para a sala, é importante considerar a harmonia do ponto de conexão entre os dois ambientes.

Fazer o teste de cores da decoração diretamente no projeto tridimensional é uma ótima forma de experimentar ideias antes de botar a mão na massa.

Nossos projetistas de plantão podem te auxiliar na elaboração do projeto 3D ou em qualquer outro detalhe da decoração. Se o orçamento permitir, luminárias em metal dão um charme todo especial ao ambiente.

A cozinha planejada é um presente seu para a sua casa, e você ainda vai olhar muito para isso tudo, então só escolha o que te agrada de verdade.


👉Quer fazer um projeto sem compromisso? Fale conosco diretamente.
 

Seguindo estes oito passos simples, fica muito mais fácil e intuitivo tirar sua cozinha planejada do papel! Se você gostou das dicas ou quer dar suas próprias sugestões sobre como montar uma cozinha planejada, deixe seu comentário aqui embaixo.

Quer fazer seu projeto? Nossos projetistas podem te ajudar!

One Reply to “PARAÍSO DO CHEF: Como Montar uma Cozinha Planejada Passo a Passo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.