Existem muitos modelos de puxador de armário no mercado e a escolha depende de alguns pontos que serão explicados neste artigo.

Afinal, são os detalhes que fazem toda a diferença na decoração da sua casa, não é mesmo?

O puxador de armário é um item que pode até passar despercebido em um primeiro momento, mas se torna essencial tanto em questões de funcionalidade, quanto de personalização do ambiente.

No caso dos móveis planejados, é possível compor uma mobília exclusiva, combinando as cores e texturas do puxador com as portas e gavetas.

Pode parecer uma tarefa difícil, mas não se preocupe! Fica de olho nessas #5 dicas que vão te auxiliar nesse momento importante de definição da decoração de sua casa.

Dica #1 – Definir o estilo de decoração do ambiente

Qual estilo de decoração caracteriza o espaço?

Essa é a primeira pergunta que deve ser realizada ao decorar um local. É um ambiente moderno e funcional? Possui formas curvas ou mais retas? Passa um ar sério ou mais descontraído?

Por exemplo: se o ambiente possui várias fotos de família e objetos passados entre gerações, sua pegada será mais retrô. Agora, se o ambiente é mais moderno, o planejamento precisa seguir um estilo mais reto e clean.

Para que o ambiente se torne convidativo, é necessária uma harmonia entre o estilo predominante e seus acabamentos. É nesse momento que a escolha do puxador certo se torna muito importante.

O nosso modelo de puxador Flip foi utilizado para este projeto | Reprodução: Madeirol

Dica #2 – Qual o material ideal para o puxador?

Fazer a combinação do estilo da decoração com o design do puxador de armário é o primeiro passo para a personalização do espaço. Outro ponto importante é a escolha do material.

Existem diversos puxadores no mercado hoje em dia, mas o melhor material é o alumínio. Afinal, ele é um dos metais mais utilizados no mundo inteiro.

As características do alumínio permitem a sua aplicação em diferentes superfícies. Seu material, além de bonito, é leve e possui alta durabilidade.

Importante ressaltar que em ambientes como banheiro e cozinha, onde há mais umidade e sujeira, é preciso dar preferência para puxadores que sejam mais fáceis de limpar. Os lisos e sem frisos são os mais indicados para estes ambientes.

A Madeirol no seu processo industrial tem a necessidade de oferecer as melhores matérias primas para poder atender ao cliente com perfeição e dentro do prazo.

Dica #3 – Qual deve ser o tamanho do puxador?

Parece óbvio, mas o tamanho do puxador deve ser proporcional ao das portas e gavetas  em que ele será aplicado.

Por exemplo, no armário para o quarto de casal, o puxador ideal deve possuir alças longas. Já no quarto infantil, o puxador precisa estar posicionado em uma altura confortável para que a criança consiga ter acesso ao interior de seu armário.

Dessa forma, pessoas de alturas diferentes conseguem alcançar o puxador e abrir a porta sem muito esforço.

Para móveis menores, os puxadores pequenos são os mais indicados, pois normalmente o móvel fica em uma altura mais confortável para todos.

O puxador Umbria mais alongado foi utilizado para garantir funcionalidade | Reprodução: Madeirol

Dica #4 – Qual é o melhor acabamento?

Com certeza o alumínio permite diversos estilos de acabamento.

Antes de sofrer o tratamento de superfície, o alumínio passa por alguns tratamentos mecânicos, com a finalidade de melhorar a sua aparência. O jateamento possibilita uma textura fosca, o escovamento e o lixamento eliminam as imperfeições e o polimento garante uma superfície mais brilhosa.

Após este processo, é possível obter os modelos de puxador de armário disponíveis em nosso site.

O modelo de puxador Aria é perfeito para áreas como cozinha e lavanderia | Reprodução: Madeirol

Dica #5 – Funcionalidade do puxador

O quanto você usa o puxador de armário? Quantas vezes por dia você abre o móvel?

Este é um fator que deve ser levado também em consideração, pois não adianta o puxador estar em harmonia com o ambiente e não ser funcional.

Por exemplo, na cozinha, os armários são abertos e fechados diversas vezes durante o dia, principalmente durante o preparo dos alimentos. Puxadores grandes, tipo alça, são mais úteis para uma pegada firme. Ou também, você pode optar por puxadores embutidos no móvel, quando o ambiente é pequeno. Dessa forma, eles não atrapalham a circulação.

Em um ambiente como a sala, por outro lado, os puxadores devem harmonizar mais do que nunca com a decoração. Pois, mesmo que não sejam tão utilizados, estão sempre expostos e visíveis para todos, inclusive visitas.

O modelo de puxador Planny é perfeito para harmonizar com a decoração da sala | Reprodução: Madeirol

Quais os tipos de puxador que a Madeirol oferece?

Em nosso site oferecemos um espaço interativo, onde você pode simular a decoração e planejamento de seu ambiente.

Dessa forma, você consegue realmente visualizar o resultado final do móvel planejado, desde seus detalhes maiores até o nosso querido puxador de armário.

O puxador de armário não é apenas uma funcionalidade para melhor abrir e fechar um móvel, mas sim, faz parte da estética do ambiente. Por conta disso, vale a pena dedicar um tempo para conhecer as opções que existem e escolher a que melhor encaixa na decoração da sua casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.